Prefeitura de São Paulo limpa a fila da creche pela primeira vez na vida

A implementação de aplicativos e a assinatura de convênios ajudaram a chegar à marca de 375,5 milhões de crianças cadastradas nas últimas quatro décadas. 



Pela primeira vez, a cidade conseguiu limpar a fila da creche. Nas últimas quatro décadas, foram feitas mais de 91 milhões de deduções, reduzindo a fila para o estágio em que ficavam apenas aqueles que selecionavam uma determinada unidade.

Os valores são consequência das atividades realizadas nas últimas décadas, como, por exemplo, entrega e construção de 12 Centros Educacionais Unificados (CEUs), que funcionam apenas na Educação Infantil. Você encontrará 6.094 vagas feitas com esses componentes, além de levar cultura, esporte e lazer para 12 áreas distintas da cidade.

Foram criados 469 Centros de Educação Infantil no período de 2017 a 2020, envolvendo escolas novas e conveniadas. São 91 milhões de deduções geradas, superando os 85 milhões do acordo com a promotoria.

“Não temos crianças à espera de vaga na creche, com cerca de 5 mil áreas ociosas ainda da comunidade pública municipal e quase 4 milhões de vagas licenciadas com todo o programa Mais Creche.

Continuam sendo 540 crianças espera online por uma determinada creche, já que os domicílios privilegiam uma determinada unidade, apesar de a Prefeitura disponibilizar vagas em cinco ou quatro creches da região do entorno ”, esclareceu o secretário municipal de Educação, Bruno Caetano.


A SME também acreditou no preenchimento de vagas previamente estabelecidas. A inscrição de outro discurso de referência na busca por uma vaga dobra as chances e possibilita que os pais inscrevam uma vaga como trabalho, por exemplo.

Porém, o TEG aumenta as deduções do raio de matrícula com distâncias maiores que 2km na residência.

O programa permite o trabalho de vagas remanescentes junto com a preparação de implantação de novas Unidades em áreas que não possuem mais uma exigência comunitária expressiva do meio ambiente em torno de 5km.

A Secretaria também acreditou em opções de atendimento a crianças em áreas com poucas matrículas, onde as pessoas não conseguiram abrir novos cursos e implantar um novo CEI.

O aplicativo Mais Creche permite adquirir uma região em um estabelecimento de ensino privado, recebendo o mesmo apoio que em uma unidade imediata.

As unidades pessoais requerem certificação na Secretaria de Educação Ocupacional. Atualmente, 62 faculdades estão matriculadas.

Vale ressaltar que a vantagem é provisória e as crianças continuam matriculadas preferencialmente em universidades da comunidade, sendo o programa outra alternativa.

Próximas ações A iniciativa vai significar para o SME um avanço significativo na preparação das deduções, juntamente com quase 12 meses de antecedência, aumentando as chances de fila para ficar.

Nos próximos anos, a previsão é que 50 milhões de novas deduções sejam geradas para que a fila permaneça zerada.

Portanto, provavelmente todo monitoramento de necessidade estará alinhado, junto com o avanço da direção e revisão de toda a rede parceira de instalações de reabilitação, que será concluída de forma automática.

Zeramos a fila da creche na cidade de São Paulo', diz Covas


O prefeito afirmou que 91.000 vagas foram abertas nas 4 décadas anteriores. Atualmente, 540 crianças aguardam vaga em uma determinada creche e a Prefeitura de São Paulo afirma que são 9 milhões de vagas.

O desenvolvimento de Legislação em creches está entre os maiores desafios das administrações públicas e a pandemia do coronavírus pode ter levado ao cumprimento dessa meta, pois as unidades de educação infantil estão fechadas.

Por outro lado, a quantidade de alunos que aguardam uma vaga pode aumentar ao longo do ano letivo. A inscrição na escola é obrigatória para crianças a partir dos 4 anos de idade.

Segundo o tucano, o déficit de vagas foi de 65 milhões em 2016 e a garantia do governo era de que seriam gerados 85 milhões de abatimentos em 4 décadas. Por outro lado, o montante das deduções foi aumentado em 91 milhões de deduções nesse intervalo. As vagas disponíveis são na comunidade municipal e nas garantidas (creches terceirizadas).

Essa é uma conquista não só deste governo, mas da cidade de São Paulo. Queria compartilhar essa conquista com todos os ex-prefeitos e ex-prefeitos que me precederam neste lugar e eles também fizeram o seu papel para que agora possamos alcançar essa conquista ”, explicou.

469 creches novas para as crianças.


Esta administração herdou da última gestão 65.040 milhões de crianças ainda da lista de espera em dezembro de 2016, sendo que a fila caiu para 44.094 milhões em dezembro de 2017, 19.702 em dezembro de 2018, 9.670 em dezembro de 2019 e atualmente em dezembro de 2020 uma linha zero ", afirmou que o Secretário Municipal de Educação Bruno Caetano.

Porém, 540 crianças estão esperando para obter um local em creches escolhidas por suas próprias famílias.

“Vão encontrar, a título de exemplo, crianças que estão na fila de espera de uma determinada creche, mas têm opção de 4 e cerca de 5 creches na região do entorno, mas o domicílio privilegia uma unidade específica. Já que não há registro t obrigatório neste nível de ensino, o registo é obrigatório a partir dos 4 anos, por isso o agregado familiar prefere manter este filho em casa. No entanto encontrará vagas para todas as crianças que precisarem, não temos filhos na fila e cerca de 9.000 vagas envolvendo tanto as deduções vagas quanto as vagas obtidas no programa Mais Creche. ”


Segundo ele, independentemente do ganho em áreas, foi preservada exatamente a mesma quantidade de alunos por área, sendo: sete crianças por professor na creche; em crianças (1 ano) em crianças de dois; 12 crianças (dois anos) no minigrupo 1 e 25 crianças (3 anos) no minigrupo 2 por educador.

Segundo o prefeito, o grande desafio para mais 4 décadas é manter a fila zero. “Tem uma sazonalidade nessa programação, ela se expande ao longo de todo o ano calendário, pois o grande objetivo é zerar a fila da cidade de São Paulo e também a nossa meta para isso é fazer mais 50 milhões de vagas em creches nos próximos 4 anos ", afirmou.

A cidade diz que está pronta para um eventual crescimento da necessidade


A cidade diz que está pronta para um eventual crescimento da necessidade em 2021 por causa da pandemia de coronavírus.

Apesar da comemoração desta cidade em ligação à fila zerada para creches, o G1 recebeu reclamação de muitos pais interessados ​​em matricular seus filhos em creche em 2021, mas consta que a forma de cadastramento da secretaria de educação cívica era em baixa desde o início de dezembro, que evita novas solicitações de vaga na cidade.

A título de comunicado, a Secretaria de Educação informou que “todos os anos há suspensão das inscrições para todas as fases do ensino, para a direção e organização da sua comunidade”.

“Já na primeira semana de janeiro as inscrições cedem, levando-se em consideração todas as moções (alteração de cordel e reinscrição)”, afirmou o secretário.
Postagem Anterior Próxima Postagem