Comunicação interna- definição, tipos e novas ferramentas

Atualmente as nossas forças de trabalho não parecem mais como costumavam ser. Devido às ferramentas de tecnologia, à globalização e aos impactos do Covid-19, os comunicadores internos enfrentam muitos novos desafios.

Fazer as comunicações internas corretamente significa funcionários felizes, eficazes e produtivos que contribuem positivamente para a experiência do funcionário. Mas se for feita de forma errada, pode deixá-los desorientados e desconectados das iniciativas da empresa.

Um software de planejamento estratégico, por exemplo, além de monitorar metas e desempenhos, controlar a produtividade da equipe e padronizar processos, também ajuda a melhorar a comunicação interna. 

Neste artigo, iremos mostrar o que a comunicação interna significa, além de mostrar as melhores práticas e definições necessárias para impulsionar mudanças bem-sucedidas em sua organização.

O que é comunicação interna?

A comunicação interna mantém os funcionários conectados e informados e cria um entendimento compartilhado dos objetivos, valores e diretrizes da empresa.

 A comunicação interna é fundamental para manter os funcionários atualizados sobre as iniciativas mais recentes de uma empresa, estabelecer uma voz de autoridade e confiança para combater rumores e facilitar comunicações simplificadas e claras entre os diferentes departamentos.

Observe que ser um grande comunicador interno não é estritamente sobre comunicação unidirecional ou envio de transmissões de um nível executivo para os níveis inferiores da empresa. 

Pelo contrário, grandes comunicadores internos também dão voz e se engajam com os trabalhadores no nível básico.

Qual a importância da comunicação interna?

A comunicação interna é fundamental para a comunicação empresarial. Os comunicadores internos criam os seguintes links únicos e importantes entre os seguintes elementos:

  • A experiência do funcionário;
  • Objetivos de negócios em toda a empresa;
  • Mudanças relacionadas à transformação digital;
  • Quaisquer novas iniciativas, contratações de executivos, programas ou projetos.

As comunicações de negócios alinham metas e objetivos de negócios com todos os funcionários. Sem um programa de comunicação interna robusto, seus objetivos de negócios podem falhar.

Portanto, é importante ter uma boa comunicação interna é importante porque se trata da  informação compartilhada (interna e externamente) por uma empresa, sobre a empresa. 

Isso pode assumir a forma de uma reunião geral, mensagens enviadas por meio de um aplicativo de engajamento de funcionários, e-mails, mensagens de intranet, sinalização digital ou impressa ou materiais impressos. Vamos falar mais sobre isso a seguir.

Tipos de comunicação interna

Tipos de comunicação interna

Existem 5 tipos de comunicação interna que variam conforme o objetivo da empresa. São eles:

Comunicação escrita

É realizada, principalmente, através de placas informativas, intranet, email e quadros de avisos. É feita, na maioria das vezes, para que todos saibam o que está acontecendo dentro da organização.

Comunicação oral

É feita, geralmente, em forma de reuniões e palestras e auxilia na aproximação entre gestores e colaboradores, já que permite a discussão de ideais e troca de feedbacks.

Comunicação vertical

Esse tipo de comunicação é realizada entre os líderes da empresa para criar planejamento estratégicos e tratar de assuntos privativos.

Comunicação horizontal

A comunicação horizontal melhora os relacionamentos dentro da empresa e é utilizada entre colaboradores que possuem o mesmo nível hierárquico.

Comunicação diagonal

Utilizada para envolver níveis hierárquicos diferentes dentro da empresa quando é necessário informar alguma novidade.

Vale destacar que, para aprimorar a troca de informações dentro da organização, é importante se atentar às práticas de comunicação interna, como a plataforma de comunicação e a logística. 

Por isso, vamos mostrar algumas ferramentas que podem ajudar. Acompanhe!

Comunicação interna: ferramentas para utilizar

Veja agora as ferramentas que ajudam na comunicação interna

Intranet e email

A intranet é uma rede corporativa que permite o acesso de todos os colaboradores. Através do email a empresa consegue agendar reuniões, informar novidades e receber informações.

Reuniões

Apesar de serem tradicionais, as reuniões internas ajudam no alinhamento da equipe, além de criar planejamento sobre outros assuntos.

Mural

Outra ferramenta de comunicação interna tradicional que é utilizada para que funcionários possam depositar recados, fixar metas da equipe, além de fortalecer as estratégias da organização.

Mas pesquisas mostram que, com a transformação digital, ela vem sendo substituída por opções virtuais, como software de planejamento estratégico. 

Software de planejamento estratégico

Utilizando um software de planejamento estratégico, o gestor estará sempre informado quanto ao andamento dos projetos executados. 

Se há dificuldade para finalizar uma ação, por exemplo, o responsável por ela pode fazer um comentário e o gestor será notificado. Dessa forma, ele saberá da situação. 

Além disso, há locais para fazer sugestões, agendar reuniões nas contas vinculadas, e até atas de reuniões podem ser inseridas. 

Utilizar um software de planejamento estratégico é ideal, já que não é necessário utilizar canais diferentes para realizar a comunicação, como mensagens pelo WhatsApp ou Telegram. Com essa ferramenta, as informações são concentradas em um só lugar.

Vantagens da Comunicação Interna para as organizações

Um poderoso procedimento de comunicação interna pode produzir muitos resultados positivos tanto em nível individual quanto em nível hierárquico em uma organização.

E eles podem estar relacionados à motivação dos funcionários, engajamento dos funcionários, comprometimento dos funcionários, retenção de funcionários, senso de pertencimento, desempenho otimizado e melhores conversões, vendas e lucros.

As vantagens de uma comunicação interna bem-sucedida incorporam:

  • Maior eficiência;
  • Diminuição do absenteísmo;
  • Um maior calibre de serviços e itens;
  • Inovação aprimorada;
  • Despesas diminuídas.

Além disso, empresas com programas de comunicação interna profundamente viáveis ​​apreciam maiores prêmios de mercado e retornos aos investidores do que empresas com pouca ou nenhuma comunicação interna.

Comunicação Interna em 2022

Comunicação Interna em 2022

Vamos examinar os dois principais fatores que afetam as comunicações internas. Um é o efeito da mudança tecnológica e o outro é o movimento em direção a uma força de trabalho mais dispersa.

Ambas as tendências têm implicações de longo alcance e podem alterar radicalmente o local de trabalho como o conhecemos; ao mesmo tempo, também têm o potencial de tornar as equipes de comunicação interna indispensáveis ​​para alcançar altos níveis de produtividade e eficiência.

Quando você pára e pensa sobre isso, a enorme quantidade de tecnologia que afeta os locais de trabalho em todo o mundo é realmente impressionante, já que as organizações estão se expandindo para novas tecnologias, incluindo:

  • Tecnologia em nuvem;
  • Inteligência Artificial (IA);
  • Software de planejamento estratégico;
  • Automação;
  • Análise de big data.

Com essas ferramentas emergentes, as empresas se tornarão mais eficientes, expandirão seus mercados e competirão em um mundo cada vez mais povoado por nativos digitais.

Para manter o equilíbrio durante esse período de mudança e transição, os líderes de comunicação devem formar uma estratégia abrangente de força de trabalho. A abordagem certa ajudará os funcionários e as empresas a prosperar.

Comunicação interna