Quais os melhores exercícios para quem sente desconfortos no período menstrual

Conheça os exercícios mais indicados para aliviar os incômodos que ocorrem durante a menstruação.

O período menstrual costuma ser um momento de bastante apreensão para as mulheres, pois alguns sintomas — como cólicas, indisposição, alterações no humor e outras dores menstruais — afetam a maioria.

Melhores exercícios

Por esse motivo, é comum que surjam no mercado novas soluções para amenizar esses incômodos, como é o caso do modelo de calcinha absorvente, que passa mais segurança e conforto do que o absorvente tradicional.

No entanto, o que muitas mulheres não sabem é que, por mais que seja difícil pensar em fazer exercícios físicos durante a menstruação, essa pode ser uma das melhores formas de amenizar as dores.

Isso porque a prática regular de atividades físicas, além de proporcionar uma melhora na qualidade de vida de qualquer pessoa, também faz com que a produção de endorfina (hormônio responsável pelo bem-estar) aumente, diminuindo os sintomas da TPM.

Quais são os exercícios mais indicados para o período menstrual?


Como o período menstrual pode ser dividido em três etapas, — pré-menstrual, menstruação e pós-menstrual — o mais recomendado é analisar cada fase do ciclo e criar treinos direcionados para cada uma delas.

A seguir, confira quais são os melhores exercícios para cada etapa do ciclo menstrual.

Pré-menstrual (fase da TPM)


Na fase pré-menstrual, a mulher sofre uma queda significativa dos níveis de progesterona, que diminui sua capacidade de concentração e aumenta a fadiga. Com isso, é normal que ela se sinta mais fraca e impaciente com os treinos.

Além disso, também é comum que a mulher tenha dores de cabeça, nos seios e se sinta um pouco inchada devido à retenção de líquidos.

Este conjunto de fatores pode acarretar prejuízos no desempenho físico. Dessa forma, diante de todas essas informações, os exercícios mais indicados nesta etapa são os treinos aeróbicos. Alguns exemplos, são:

  • Caminhada;
  • Corrida;
  • Natação;
  • Jump;
  • Bike;
  • Dança;
  • Pular corda.

Este tipo de treino gera uma maior liberação de endorfina e garante uma melhora no humor.

Fase da menstruação


Durante a menstruação, diferente da fase pré-menstrual, é bom evitar exercícios aeróbicos extenuantes e dar preferência para atividades mais leves, como:

  • Yoga;
  • Pilates;
  • Alongamentos.

Ademais, os exercícios para região pélvica — por exemplo, abdominais, exercícios de contração do períneo e exercícios para a região interna das coxas — são indicados para ajudar a aliviar as cólicas, pois estimulam e facilitam o fluxo menstrual.

Contudo, vale ressaltar que nessa fase é importante respeitar os sinais do corpo e não abrir mão do descanso, dos chás e da tradicional bolsa de água quente, pois isso também proporciona uma melhora na dor, gerando mais ânimo para praticar os exercícios físicos.

Fase pós-menstrual


Na fase pós-menstrual, a mulher já está próxima do seu estado normal, tendo uma melhora significativa na taxa de estrogênio e secreção de noradrenalina.

Aqui, já é possível aproveitar essa melhora e realizar treinos com maior intensidade e de cargas mais altas, como:

  • Musculação;
  • Muay thai;
  • Agachamento;
  • Burpee;
  • Flexão;
  • Abdominal.

Exercitar-se também pode ajudar a controlar a compulsão por doces


A compulsão por doces é bastante comum no decorrer do período menstrual. Isso ocorre devido à baixa da serotonina, que é a substância produzida pelo organismo capaz de proporcionar uma sensação de bom humor e felicidade. E o açúcar supre essa necessidade, visto que é responsável pela liberação de endorfinas que trazem bem-estar. No entanto, não é nada saudável.

Dessa forma, você pode substituir o açúcar pelos exercícios físicos, pois eles também produzem endorfinas, porém, de uma maneira muito mais saudável.

Consequentemente, doenças causadas pelo excesso de açúcar — como obesidade, diabetes, hipertensão e problemas cardiovasculares — são evitadas.
Postagem Anterior Próxima Postagem