Cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas

Para assegurar um Transporte Internacional de Cargas seguro e eficiente, alguns cuidados devem ser tomados antes do embarque. Além de contar com a assistência de uma transportadora confiável, tome medidas como fornecer toda a documentação referente ao seu envio (CRT, MIC DTA, etc.). Além de fazer a contratação dos seguros necessários para tornar mais segura a viagem e assegurar tudo o que envolve o transporte.

Contudo, em grande parte das vezes, os embarcadores acabam confusos sobre suas responsabilidades no embarque internacional de mercadorias. Por isso, neste artigo, focamos nos principais cuidados que você deve ter ao utilizar a estrada para transportar sua mercadoria de importação ou exportação. Portanto, a seguir, você pode ver os cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas, e mais informações sobre este assunto!

Como funciona o Transporte Internacional de Cargas?

Como funciona o Transporte Internacional de Cargas

O Transporte Internacional de Cargas envolve o movimento físico de produtos de um país para outro, de um armazém de produção ou venda até o consumidor final. No entanto, o processo logístico de exportação e/ou importação de mercadorias por via rodoviária consiste nas seguintes etapas:

  • No país exportador: inicia-se o transporte interno desde o local de produção até a alfândega do vendedor. Em seguida, segue para o terminal aeroportuário ou portuário de origem;
  • No país importador: é iniciado no terminal aeroportuário ou portuário de destino, até a alfândega do comprador. Em seguida, acontece o transporte interno que vai até o local de destino.

Trata-se de um serviço que acontece por meio de um contrato firmado internacionalmente, entre os dois países que envolvem o frete. Portanto, existe um conjunto de regras e padrões internacionais que devem ser seguidos. Nestes, estão presentes as responsabilidades tento do comprador, quanto do vendedor, durante o processo de importação e exportação. E neste cenário, está incluso quem deve arcar com os custos do seguro e quem tem a responsabilidade pelo frete.

Quais os cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas?

O processo de um Transporte Internacional de Cargas é bem complicado, e envolve muitas logísticas. Além disso, se trata de uma operação que requer muitos cuidados, para evitar problemas e prevenir possíveis imprevistos. Então, com isso em mente, veja os cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas!

Pesquise uma transportadora de confiança

Quando se trata de transportar carga para outro país, você deve primeiro encontrar uma transportadora confiável. Quando se trata de frete internacional, é importante escolher uma empresa que não só tenha experiência em processos de importação e exportação. Mas, também oferece a infraestrutura perfeita para atender com sucesso suas exigências internacionais.

Cuide da documentação

Mais um cuidado importante está ligado a documentação necessária para o transporte das cargas. No entanto, estes documentos envolvem, os requisitos para as mercadorias a serem transportadas e pela transportadora. Então, a exigência deve incluir:

  • Certificado de análises e origem (caso necessário);
  • Certificado de Fumigação (quando a mercadoria envolver madeira);
  • DDE- Declaração de Exportação;
  • Nota Fiscal e Fatura Comercial;
  • Packing List (com as marcações, dimensões e peso real da carga detalhados);
  • Registro de Exportação;
  • Qualquer outro documento a ser apresentado pela Receita Federal do Brasil para liberação da carga.

Não deixe de contratar os seguros necessários

Além de fornecer a documentação, o embarcador/comprador também conta com a necessidade de negociar os seguros necessários de acordo com os Incoterms para oTransporte Internacional de Cargas. E garantir que o transportador também tenha seguros dentro de seu escopo de responsabilidade, que são:

RCTR-C

O RCTR-C, regulamentado pelo Decreto nº 61.867, se trata do seguro de Responsabilidade Civil do Transportador Rodoviário de Carga. No entanto, ele trata da responsabilidade civil por danos a terceiros relacionados ao transporte rodoviário de mercadorias. Contudo, este é um seguro obrigatório assinado pela transportadora e cobre todo o país.

Usando o RCTR-C, o transportador pode garantir danos que o transportador deve pagar devido a um acidente com o veículo de transporte. Como, por exemplo, colisão, tombamento, abalroamento, explosão, incêndio ou capotamento.

RCTR-VI

O RCTR-VI ou Carta Azul se trata de um seguro usado para a circulação de meios de transporte no Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai) e assegura o transporte de mercadorias ou bens de propriedade de terceiros desde a origem até o destino final. 

No entanto, serve para os danos causados por: abalroamento, capotamento, colisão, tombamento, incêndio ou explosão do veículo de transporte. Portanto, esta cobertura é obrigatória apenas para quem faz Transporte Internacional de Cargas.

RCF-DC

O RCF-DC, também conhecido como cobertura de roubo, é uma cobertura opcional que complementa a cobertura de acidentes. Prevê indenização por furto de mercadorias transportadas e cobre furto de grave ameaça ou violência. 

A complexidade deste seguro se deve à variedade de cargas, mercadoria, tipos de transporte, período coberto, embalagem, perecibilidade, destino, valores indenizados e frequência de ocorrências. Então, quanto menor a frequência e o valor da indenização, menor será a tarifa cobrada por este seguro.

Carta Verde

Este se trata de um seguro de contratação obrigatória para veículos que ingressam em países do Mercosul. Entretanto, ele tem como objetivo, oferecer proteção a terceiros afetados por acidentes de trânsito no período do transporte.

Faça um acompanhamento do percurso da carga

Depois de falar sobre os cuidados que o embarcador deve ter antes de realizar o transporte internacional de cargas, chegou o momento de falar sobre o seu papel no processo de transporte de cargas.

Portanto, não esqueça que: mesmo que você contrate uma transportadora confiável, você deve acompanhar a trajetória da remessa do início ao fim.

Confira toda a carga na entrega

Conferir todas as mercadorias da carga, é o último cuidado que o embarcador deve ter no Transporte Internacional de Cargas. Em outras palavras, ao chegar no destino final para entregar as mercadorias, o contratante tem o dever de conferir toda a carga. De modo a identificar qualquer tipo de dano causado pelo trajeto.

Conclusão

Portanto, por se tratar de um processo burocrático, exige também mais cuidados, não só da transportadora, mas também do contratante. Então, siga com atenção os cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas!

Cuidados necessários para o Transporte Internacional de Cargas