Impressão sublimática, tudo que você precisa saber para começá-la agora mesmo

Sublimação é uma das técnicas de impressão mais conhecidas e utilizadas no mercado. No entanto, muitos ainda têm dúvidas sobre como ela funciona, seus benefícios e características.

O que é totalmente compreensível já que a sublimação se dá por uma transformação química importante. No dia a dia, ela é super simples e fácil de fazer, no entanto, seu conceito pode soar um pouco difícil.

Para compreender tudo sobre as impressões sublimáticas, como também são chamadas, é preciso voltar ao conceito sublimático. Depois, podemos compreender como a técnica funciona e dar algumas dicas importantes.

Vamos lá: a sublimação, no campo químico, se dá pela transformação de um componente em estado sólido ao gasoso, sem passar pelo estado líquido. Tudo isso intermediado por uma forte fonte de calor.

Na prática da estamparia, o processo é o mesmo, embora seja simplificado. O profissional vai imprimir a estampa que deseja por meio de uma máquina qualificada para essa função e colocar o desenho sobre a peça que será estampada.

Depois, com a ajuda de uma prensa térmica, pressionará a estampa sobre a peça, a qual vai se tornar um gás e pigmentar o produto.

Por exemplo, o profissional desenhará ou encontrará um desenho legal na internet e fará a impressão sublimática normalmente.

Depois, vai colocar o desenho na peça de roupa e o pressionará com a prensa térmica. A estampa vai se dissolver no tecido, o pigmentando perfeitamente. Simples, concorda?

Tudo isso é feito em poucos minutos, por qualquer pessoa que tenha os materiais adequados. É rápido, fácil e muito prático – por esses e outros motivos, a sublimação se destaca neste segmento.

Mas tudo isso só é possível se a pessoa tiver os equipamentos adequados! Uma impressora comum, com folha sulfite e tinta normal, por exemplo, não consegue sublimar.

Portanto, a seguir, indicaremos quais os materiais todo profissional que deseja estampar com sublimação deve ter. Depois, daremos dicas de marcas, onde comprá-los e muito mais.

Este conteúdo é, verdadeiramente, um guia para iniciantes em impressões sublimáticas. Nosso intuito é ajudar quem está começando a entender como a sublimação funciona e a como começar a lucrar com ela.

Acompanhe para saber isso e muito mais!

Impressão sublimática: como fazer? Como esse procedimento funciona?

Como vimos, a sublimação na estamparia é um procedimento simples, sem muitas etapas e procedimentos. Um dos maiores benefícios dessa técnica é que, além de tudo isso, ela exige poucos materiais para começar a produção.

O profissional que deseja começar a fazer impressões sublimáticas precisa de apenas 4 materiais: uma impressora sublimática, papel sublimático, tintas de sublimação e uma prensa térmica (a qual pode vir junto a impressora em alguns casos).

Com apenas esses 4 itens, todos conseguem sublimar. Além, é claro, do material que será estampado, como peças de roupas, bolsas, canecas, copos, eco bags, relógios, lembrancinhas de eventos, entre outras alternativas.

Inclusive, uma das vantagens mais atraentes da sublimação é a versatilidade. Por meio dessa técnica e, como consequência, desses equipamentos, é possível estampar os mais variados tipos de  produtos.

Ou seja, isso é uma grande oportunidade para profissionais que utilizam a sublimação e podem aumentar seu catálogo de vendas, aumentando também suas chances de vendas e o faturamento.

Dicas para quem está começando neste segmento que pode ser tão lucrativo

Agora que já sabe como funciona e como fazer, vamos para algumas dicas. A primeira delas é que, para sublimar, o empreendedor não precisa de muito espaço, as impressoras têm o mesmo tamanho das tradicionais de escritório e cabem em qualquer lugar.

É possível empreender com sublimação em casa, no escritório, entre outros locais, o que facilita para quem está começando e não quer arcar com o aluguel de um espaço comercial.

A segunda dica é a qualidade dos equipamentos. É importante pesquisar bastante porque  nem sempre as opções mais caras são as melhores, da mesma forma que comprar os mais baratos pode sair caro mais tarde.

O ideal é procurar por marcas de qualidade e referência no mercado que ofereçam boas máquinas, tintas e papéis por preços justos. Dentre as mais conhecidas e recomendadas pelos especialistas é a marca Epson, vale a pena estudá-la.

Se for estampar tecidos, preste muita atenção! Apenas use tecidos mistos que tenham no mínimo 60% de fibras sintéticas na composição, como o poliéster e a poliamida.

Exemplos: Poliéster+ Algodão, Poliester+ Elastano, Poliester+ Viscose, Lycra de Poliéster, entre outros. Somente esses tecidos conseguem absorver a tinta e pigmentar de forma bonita e duradoura.

Nunca use papel sulfite em impressoras sublimáticas, além de estragar a máquina, as estampas saem manchadas e fracas. As tintas precisam ser boas e bem encaixadas no equipamento, sempre preste atenção nisso. 

De resto, sublimar é muito simples, sem chances de erro. Fazendo da forma correta, o lucro é certeiro. Compre esses equipamentos em lojas e distribuidoras de confiança para garantir que está comprando o melhor que há no mercado.

De qualquer forma, vale a pena investir nessa técnica!

Impressão sublimática